sexta-feira, 19 de agosto de 2011

O Entra e Sai ...


Apresento-lhes hoje Ju Rigoni do Blog Fundo de Mim. Sua poesia encanta pela modernidade e suavidade.
Consegue com maestria penetrar na alma das pessoas e transmitir tudo aquilo que o coração vê e sente.
Acompanhe abaixo a narração e leia junto comigo.

 


A certeza saiu; foi embora!...
Bateu a porta na minha cara.
Trancou por fora inteiras metades...

E agora?...

Levou-me tudo a bandida.
Inclusive o que me parecia nada
diante de tanta convicção...
Deixou a casa revirada,
atrasou todos os relógios;
até o cuco que encantava as horas
outrora apenas desencontradas,
e agora perdidas na saída desavisada...

Revolveu-me a paciência,
bebeu e comeu minhas reticências
para vomitá-las, devolvê-las em dobro, -
em malditas interrogações...

Tem que voltar, essa desnaturada...
Precisa abrir essa porta.
Meus eus precisam entrar!
Preciso juntar o que sobrou
de mins, colar os cacos da alma,
viver, respirar, ser... em calma.

...

Era uma vez uma certeza,
a entrar e sair sem aviso
pela porta da minha história...






Música-Amy Winehouse - Love is a losing game (instrumental)

Imagem-Pinterest



17 comentários:

  1. A poesia é encantadora! Cada verso sai do coração e fala para outro coração gerando uma cumplicidade impressionante!Amei a suavidade e a sutileza em abordar com delicadeza os sentimentos humanos! Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Beth, como é magnífica a visão dos poetas. Nem sempre correspondem aos nossos sentires, cada um sente da sua maneira a vida. Mas , a Juliana consegue passar com maestria a dor, o sofrimento, o caos que vai de si quando se perdem as suas certezas. Belíssimas imagens poéticas.
    Querida, amei sua voz...
    Obrigada por me lembrar deste teu espaço. Lindíssimo, aliás, como sempre... transforma tudo em beleza !
    Vou fazer um link no meu espaço.
    Beijos também cariocas.

    ResponderExcluir
  3. Linda demais mesmo! Encantadora poesia! um beijo,lindo fds,chica

    ResponderExcluir
  4. Muito linda a poesia, quanto talento.
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Era tão bom se tivéssemos a receita para todas as certezas voltarem! Principalmente aquelas que sempre conviveram conosco. Certezas mais do que certas!

    Bom dia Beth!
    Bom dia Ju!

    ResponderExcluir
  6. Para mim a Ju é uma das maiores poetas da blogosfera! Amo tudo o que ela escreve! Belíssima escolha! Recomendação minha, lembra? beijos,

    ResponderExcluir
  7. E assim vamos Beth através deste seu projeto conhecendo os poetas da blogosfera. A Ju transmite com força o seu sentir nos enredando.
    Você caminha nas palavras entonando e cadenciando os poemas redescobrindo seu poder pela interpretação.
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Sem dúvida que a blogosfera deu a conhecer
    imensos poetas e provar que a Poesia estará
    sempre presente.A Ju é sem dúvida uma grande
    poetisa.
    Um bj.

    ResponderExcluir
  9. Beth, uma certeza: é emoção única ouvir meu poema dito por outra pessoa que não eu. Leio-os para mim depois dos "quarenta dias no deserto", rsrs, mas com objetivos diferentes. Aqui, ele está afinado por um outro diapasão. E, sem dúvida, minhas letras ganharam outra e mais bela perspectiva na sua bela voz. Muitíssimo obrigada, querida.

    Com a sua permissão, vou colocar um linque para o Me and You em meu último post; e também, para que esteja sempre lá, no "Fundo", na seção "Amigo é Coisa Pra se Guardar", localizada na barra lateral do blogue.

    E perdoe a demora. Só vi hoje. Tenho estado fora da net em razão do grande volume de trabalho com prazos muito curtos, e sem possibilidade de visitar os amigos com a frequência que gostaria. De novo, obrigada por essa alegria. Imensa. Bjs, querida Beth, e inté!

    ResponderExcluir
  10. OI Beth!
    Mais uma grande descoberta!
    E a nossa certeza muitas vezes sucumbe aos vai e vem da vida. A música foi uma escolha perfeita!

    Beijos e um ótimo fds!

    ResponderExcluir
  11. Somos movidos a certezas e incertezas. Vão é vêm, numa constante.
    Gostei muito.
    Estou mais e mais me acostumando com sua voz, e só apreciando, a cada leitura.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  12. Com que desenvoltura a poesia mesclou realidade e fantasia amarrando-as em versos marcantes e sutis.
    Que prazer conhecer mais uma alma delicada.
    Em tempo; o fundo musical é perfeito.
    Bom domingo,
    Bjos mil,
    Calu

    ResponderExcluir
  13. Beth, muito legal esse teu projeto. O poema da Ju é maravilhoso, mas sempre nos causa uma reação nova ouvir outra voz, que não a nossa, conduzindo o ritmo dos versos.

    gostei muito! Um abraço

    ResponderExcluir
  14. Uma delícia de poesia.
    Uma mistura do real e irreal.
    Bom dia Beth!
    Xeros

    ResponderExcluir
  15. Mas é linda demais e gostosa de ler,bela escolha Beth.Diria que é uma poesia inteligente e diferente.Vou lá conhecer outras dela.Parabens a ela pela linda construção e a voce minha amiga pela idéia brilhante deste brog com suas garimpagens de perolas.
    Adorei mesmo.
    Bju de luz nos seus dias.

    ResponderExcluir
  16. Excelente idéia, essa de um blog com podcasts acompanhando a exposição do poema. Parabéns!

    Quanto ao poema da Ju Rigoni, é maravilhoso. Eu já o havia lido, no blog da própria Ju, mas adorei apreciá-lo assim também, narrado. Parabéns também pra Ju, que sempre nos encanta com seus textos.

    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  17. Amei! Fiquei emocionada ao ouvir-te... Um lindo poema declamado com imensa sensibilidade. Abraços!

    ResponderExcluir